Connect with us

Destaque

Adelino Follador manifesta indignação e cobra responsabilização em cancelamento de processo de licitação da ponte na RO-459, Alto Paraíso

Publicado

on

Parlamentar questionou como uma empresa ganhou licitação de quase R$ 9 milhões com patrimônio de pouco mais de 500 mil

O deputado Adelino Follador (DEM) manifestou sua indignação no plenário da Assembleia Legislativa, na sessão do último dia 15, com a demora numa definição da ponte sobre o rio Jamari, na RO-459, em Alto Paraíso, que mais uma vez teve processo cancelado.

Para o parlamentar, não é possível que uma licitação para uma obra tão importante não consiga evoluir para sua conclusão, ele alertou na época em que a ponte rodou por conta das cheias, em março de 2019, que era necessário fazer uma licitação de emergência, assim não tramitaria todos os detalhes burocráticos, mas o diretor do DER naquele período não teve habilidade para cuidar da questão, e agora, depois de mais de dois anos não se pode justificar a urgência.

Adelino sempre se mostrou presente, procurando cobrar das autoridades responsáveis e informar a população a respeito do andamento dos processos, sobre a balsa, o deputado apoiou sua instalação, pois naquele momento era a opção mais rápida para proporcionar a travessia, bem como, cobrou e acompanhou a recuperação com encascalhamento do B-40, para que também se tornasse uma opção viável, porém, jamais imaginava que haveria tanta morosidade do Governo do Estado, frustrando as expectativas de todos.

“O processo foi novamente para a Supel licitar e estamos fazendo um requerimento para que a Supel e o DER apurem de quem é a responsabilidade por uma empresa ganhar, sem condições de tocar a obra. Como esse processo chegou ao final, com uma empresa sem condições de fazer a obra? Isso precisa ser apurado e é preciso agilizar a nova licitação”, disse Adelino.

Texto: Assessoria

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp