Connect with us

Política

Democratas apresentam pedido de impeachment de Trump

Representantes do Partido Democrata apresentaram nesta 2ª feira (11.jan.2021) um pedido de impeachment contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, o acusando de “incitação à insurreição” por sua influência nos protestos que culminaram na invasão do Capitólio, sede do Congresso norte-americano, na última 4ª feira (6.jan.2021).No pedido (íntegra em inglês – 31KB), os democratas…

Publicado

on

Democratas apresentam pedido de impeachment de Trump

Representantes do Partido Democrata apresentaram nesta 2ª feira (11.jan.2021) um pedido de impeachment contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, o acusando de “incitação à insurreição” por sua influência nos protestos que culminaram na invasão do Capitólio, sede do Congresso norte-americano, na última 4ª feira (6.jan.2021).

No pedido (íntegra em inglês – 31KB), os democratas alegam que as declarações falsas de Trump de que ele ganhou a eleição e seu discurso em 6 de janeiro incentivaram apoiadores a invadirem o Capitólio.

O documento também cita a ligação de Trump para o secretário de Estado republicano da Geórgia, onde o presidente norte-americano o pressionou a “encontrar” votos suficientes para que ele pudesse ganhar de Joe Biden no Estado.

“Em tudo isso, o presidente Trump colocou em risco a segurança dos Estados Unidos e de suas instituições governamentais”, diz o texto. “Ele ameaçou a integridade do sistema democrático, interferiu na transição pacífica de poder e pôs em perigo um ramo co-igual do governo. Com isso, ele traiu sua confiança como presidente, para prejuízo manifesto do povo dos Estados Unidos.”

No domingo (10.jan.2021), a presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, a democrata Nancy Pelosi, pressionou o vice-presidente Mike Pence a acionar 25ª Emenda da Constituição americana para destituir Trump do cargo. No entanto, não há expectativa de que o republicano avance com a medida.

Mais cedo, na Câmara dos Representantes, os republicanos rejeitaram a resolução que pedia que Pence acionasse a 25ª Emenda. Como houve objeção, a recomendação será reavaliada na 3ª feira (12.jan.2021) com a presença de todo o plenário.

Se for aprovada, a ação pode ser contestada por Trump, em uma carta redigida ao Congresso. A remoção permanente do mandatário precisa da aprovação da maioria de 2/3 do Congresso –67 senadores e 290 representantes.

Em relação ao pedido do impeachment, caso seja aprovado pelo Congresso, Trump será o 1º presidente na história dos Estados Unidos a sofrer duas acusações de impeachment. Em dezembro de 2019, o republicano foi a julgamento uma vez na Câmara, controlada pelos democratas, por pressionar o líder da Ucrânia a encontrar podres políticos sobre Joe Biden, na época seu provável adversário nas eleições presidenciais de 2020. O presidente, porém, foi absolvido pelo Senado, de maioria republicana.

Se condenado, Trump perde os benefícios concedidos a ex-presidentes. Além disso, os senadores podem analisar se o republicano poderia perder, de forma permanente, seus direitos políticos.

Trump deve ficar na Presidência até 20 de janeiro, quando o democrata e presidente eleito Joe Biden tomará posse.

Continuar lendo

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp