Connect with us

Rondônia

Operação da PF mira exploração ilegal de diamantes em terras indígenas de Rondônia

A Polícia Federal deflagrou nesta 5ª feira (24.set.2020) a operação Crassa, contra a exploração ilegal de diamantes na reserva indígena Roosevelt, em Rondônia.No total foram cumpridos 53 mandados de busca e apreensão no interior de Rondônia, em São Paulo, Roraima, Paraná, Piauí, Mato Grosso, Minas Gerais e no Distrito Federal. Dentre os crimes investigados estão…

Publicado

on

Operação da PF mira exploração ilegal de diamantes em terras indígenas de Rondônia

A Polícia Federal deflagrou nesta 5ª feira (24.set.2020) a operação Crassa, contra a exploração ilegal de diamantes na reserva indígena Roosevelt, em Rondônia.

No total foram cumpridos 53 mandados de busca e apreensão no interior de Rondônia, em São Paulo, Roraima, Paraná, Piauí, Mato Grosso, Minas Gerais e no Distrito Federal. Dentre os crimes investigados estão organização criminosa, usurpação de bens da União e lavagem de dinheiro.

Os mandados foram expedidos pela 3ª Vara Criminal da Subseção Judiciária de Rondônia. Além das buscas, foi determinado pelo juízo o sequestro de bens imóveis.

Durante cumprimento de mandado em Espigão D’Oeste (RO), uma pessoa foi presa em flagrante por posse ilegal de arma.

Os diamantes da reserva estão entre os que são considerados os mais valiosos do mundo. A investigação teve início em 2018, com a prisão em flagrante de 3 indivíduos que tinham em posse diversas pedras de diamante. Eles haviam se deslocado de São Paulo a Rondônia para adquiri-las. Na ocasião, admitiram que os diamantes eram da reserva Roosevelt.

Segundo a PF, entre os investigados estão indígenas, garimpeiros, intermediadores responsáveis por avaliar o valor das pedras preciosas e também por fazer a ponte com os compradores, e empresários. Segundo os agentes federais, indígenas autorizavam a entrada de garimpeiros na reserva.

O termo Crassa remete ao estado bruto dos diamantes, tendo sido identificado no início das investigações a referência Bruto ao lado dos contatos relacionados a garimpeiros e intermediários do comércio ilegal do mineral na agenda dos indivíduos presos em flagrante.

Eis abaixo algumas fotos da operação divulgadas pela Polícia Federal:

Diamante apreendido durante operação da Polícia Federal na reserva Roosevelt, em Rondônia PF- 24.set.2020

Continuar lendo

.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp