Connect with us

Destaque

Visão de Fato – 18 de Setembro de 2020

Publicado

on

Sem preconceito, Marco Aurélio põe ordem na bagunça do STF

O ex-presidente.

Lula foi visitar o senador Renan Calheiros (MDB-AL) que está hospitalizado no Sírio Libanes desde segunda-feira (14), quando ele tirou um tumor benigno do rim direito. Os dois foram fotografados juntos, confraternizando. Natural, já que ambos já estavam juntos na planilha da Odebrecht.

Bolsonaro joga sinuca no Ceará.

O presidente Jair Bolsonaro foi a Paraíba e ao Ceará nesta quinta-feira (17). Em Coremas (PB), ele inaugurou a maior usina fotovoltaica do Brasil. O local é enorme.

Atualmente, 11% da energia brasileira é gerada por energia solar ou eólica, ou seja, via vento.

Ele foi também a Juazeiro do Norte (CE). Depois, apesar de não estar previsto, visitou o município de Missão velha (CE). Lá, Bolsonaro entrou em um boteco e jogou sinuca com moradores. Havia multidões nas ruas gritando “mito, mito, mito”.

Depoimento adiado.

Marco Aurélio foi fiel e coerente com a sua posição de que os ministros do STF devem julgar “sem preconceito”. Ele adiou o depoimento de Bolsonaro à Polícia Federal e passou para o plenário da Corte a responsabilidade de decidir como será feito esse depoimento, se presencialmente ou por escrito, no inquérito que apura a suposta interferência dele na Polícia Federal.

O ministro Celso de Mello determinou que Bolsonaro precisava depor pessoalmente, sendo que os ministros Barroso e Fachin recolheram depoimento do ex-presidente Michel Temer por escrito em duas oportunidades, justamente pelo cargo que ocupava na ocasião.

Censura contra Bretas.

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região aplicou pena de censura ao juiz federal Marcelo Bretas, da Lava Jato, porque ele participou do evento de inauguração de uma alça de acesso à ponte Rio-Niterói com o presidente Bolsonaro, ministros e o prefeito do Rio, Marcelo Crivella.

Por 12 votos a um, os desembargadores do Tribunal concluíram que o juiz participou de um evento para autopromoção e expôs sua imagem de forma política. Como pena, ele deverá ficar um ano sem receber promoções por mérito.

Impeachment de Witzel .

A Comissão Especial da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro aberta para decidir sobre o impeachment do governador Wilson Witzel determinou, por 24 votos a zero, que o processo de impedimento seja encaminhado ao plenário. Ele já está afastado do cargo.

Aras com Covid-19.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, também testou positivo para Covid-19. Ele contraiu o vírus na posse de Luiz Fux na presidência do STF, no dia 10 deste mês, já que havia muitas pessoas presentes.

Além dele, também foram diagnosticados com a doença após o evento no Supremo o presidente da Câmara, Rodrigo Maia; a presidente do Tribunal Superior do Trabalho, Cristina Peduzzi, e alguns ministros do Superior Tribunal de Justiça.

Regularidade A média mensal de mortes dos últimos anos no Brasil mostra que, em 2017, foram 86 mil óbitos por mês; em 2018, 98 mil; em 2019, 104 mil; e em 2020 118 mil. Parece que a evolução tem uma certa regularidade.

Não houve muita alteração por causa da Covid, pelo menos segundo os números dos cartórios.

Por Marco Aurélio Cândido

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp