EsporteFutebol 2020

Jean Pyerre supera lesão como reserva com mais minutos e pavimenta volta ao time titular

Em apenas três jogos, meia ultrapassa tempo de jogadores que saíram do banco de reservas nos compromissos do Grêmio até a parada

A escalada de Jean Pyerre para retomar a titularidade do Grêmio foi freada pela suspensão das partidas por conta da pandemia do novo coronavírus. Recuperado de uma lesão que o afastou dos gramados por cinco meses, precisou de apenas três jogos para somar mais minutos em campo ao sair do banco de reservas que os demais companheiros.

Até a interrupção das competições, em meados de março, o técnico Renato Gaúcho havia utilizado 16 jogadores que iniciaram os jogos como alternativa aos titulares. Três vezes chamado para deixar o banco, Jean soma 137 minutos de atuação. É seguido pelo concorrente da posição, Thiago Neves, Thaciano, Ferreira e Paulo Miranda (veja abaixo).

Reservas com mais minutos

  1. Jean Pyerre: 137 minutos em três jogos
  2. Thiago Neves: 115 minutos em quatro jogos
  3. Thaciano: 106 minutos em três jogos
  4. Ferreira: 64 minutos em quatro jogos
  5. Paulo Miranda: 63 minutos em dois jogos
Jean Pyerre fala sobre retorno aos gramados após vitória contra o Pelotas

Jean Pyerre fala sobre retorno aos gramados após vitória contra o Pelotas

“Tive que ouvir muitas coisas, inverdades. Matei tudo sozinho, junto com quem estava comigo. Foram poucas pessoas. Eu venci” (Jean Pyerre, ao voltar de lesão)

Vale ressaltar que Jean Pyerre lidera o ranking com um jogo a menos que Thiago Neves. Ele voltou de lesão recentemente, mas entrou nos três últimos jogos do Grêmio antes da parada: Pelotas, Gre-Nal e São Luiz, entre os dias 8 e 15 de março. Thiago soma sete partidas: três como titular e quatro como reserva.

— O mais importante é que ele (Jean) está de volta. Eu o quero de volta 100% para nos ajudar. Sou pago para cobrar não só do Jean, de todos. Veio da base, cada dia mais importante. Ele se ajudando, nós vamos o ajudar — destacou Renato antes da parada.

No entanto, o meia de 21 anos viu a evolução ser interrompida pela parada por conta da pandemia do novo coronavírus. Justamente quando retomava ritmo e espaço dentro do elenco. A rápida ascensão como reserva mais utilizado já mostrava que a titularidade seria questão de tempo.

Jean Pyerre em treino do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Jean Pyerre em treino do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Foram cinco meses sem jogar por conta de lesão muscular na coxa direita. De 20 de setembro a 8 de março, Jean passou por incontáveis sessões de fisioterapia, treinos físicos, idas e vindas, até voltar a vestir a camisa do Grêmio.

Sem treinos nem jogos por tempo indeterminado, a retomada da condição física deve ser mais uma vez prejudicada. Por outro lado, o Grêmio acredita na disponibilidade de uma nova pré-temporada quando o calendário do futebol for retomado – ainda sem previsão.

Ge
Mostrar mais

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar
Fechar
WhatsApp Fale via: WhatsApp