Connect with us

Coluna Social

Claudia Leitte homenageia policiais em look de carnaval

Publicado

on

Claudia Leitte escolheu um figurino especial para seu primeiro dia no Carnaval de Salvador, na Bahia: após surgir como a personagem Mulan e como a histórica cangaceira Maria Bonita na folia em São Paulo, a cantora prestou homenagem às policiais femininas com seu look nesta quinta-feira (20) durante sua passagem pela circuito Barra-Ondina. “São mulheres que enfrentam todos os dias a violência e, muitas vezes, arriscam a própria vida para garantir a segurança das mulheres e da população em geral”, indicou em discurso ao chegar no local.

Cantora ganha carona de policiais em moto

Ela ainda posou com integrantes da Guarda Civil Feminina da capital baiana e elencou as virtudes das policiais. “Coragem, força e determinação: essas são características dessas mulheres. Nós podemos estar onde quisermos, inclusive na polícia. O machismo em tentar menosprezar a qualificação feminina é vencido a cada dia e em cada nova conquista. Enquanto estamos aqui nos divertindo, elas estão a postos para proteger a todos, faça chuva ou faça sol”, indicou a artista, cuja passagem pelo Carnaval de Rua no Rio foi marcada por um look com referência à icônica personagem Rosie the Rivether, símbolo da busca por direitos iguais na sociedade.

Look azul tem milhares de cristais. ‘Mulher foi feita para brilhar’, define stylist

Responsável pelos looks de Claudia Leitte, o stylist Yan Acioli quis incluir cristais na farda estilizada usada pela cantora, que soltou a voz com Simaria em show pré-Carnaval em São Paulo. “Sempre acreditei que a mulher foi feita para brilhar! Os milhares de cristais utilizados com certeza servirão para inspirar ainda mais e enaltecer esse poder”, indicou. Segundo ele, os próximos figurinos da cantora também exaltarão a força feminina. “Nós temos exemplos históricos e contemporâneos. Mulheres que lutaram e continuam lutando por sociedades melhores, por direitos. Vamos fazer referência às mulheres de forma ‘carnavalesca’, mas principalmente com muito respeito acima de tudo, mantendo viva essas lutas – algumas há tanto tempo, mas nunca tiveram tão atuais como as que temos vivido nos dias de hoje”, acrescentou.

Fonte:Purepeople

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp chat