Brasileirão 2019Esporte

Após derrota, Botafogo entra no Z-4 e dobra risco de queda no Brasileirão; veja as probabilidades

Confira as chances de título, Libertadores e rebaixamento após a 31ª rodada

A cada rodada, o Flamengo está mais perto do título brasileiro. Com a vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, o Rubro-Negro termina a 31ª rodada com 96% de chances de ser campeão. O Alvinegro, por outro lado, entrou na zona de rebaixamento e aumentou o risco de queda para 32% – antes era de 15%. Confira as chances de título, Libertadores e rebaixamento de acordo com o site Info Bola, do matemático Tristão Garcia.

Briga pelo título

O Flamengo aumentou para 96% a chance de ser campeão brasileiro após vencer o Botafogo por 1 a 0 nesta quinta-feira. Era de 95% no fim de semana. O Palmeiras, mesmo com a vitória diante do Vasco, diminuiu sua possibilidade de 5% para 4%.

De acordo com Tristão Garcia, o Santos não aparece como postulante ao título, mas, matematicamente, ainda é possível. Há 21 pontos em disputa, e o Peixe está 13 pontos atrás do líder Flamengo e a cinco do Palmeiras.

  • Flamengo – 96%
  • Palmeiras – 4%

Briga pela Libertadores

O matemático calcula apenas o G-4 do Brasileiro, embora os seis primeiros se classifiquem para o torneio continental. Para ficar entre os quatro, o Flamengo alcançou 100% após vencer o Botafogo. Palmeiras e Santos praticamente asseguraram vaga direta também ao torneio. O Grêmio, que roubou o quarto lugar do São Paulo, deu um salto e aparece com 61% de chances.

  • Flamengo – 100%
  • Palmeiras – 99%
  • Santos – 99%
  • Grêmio – 61%
  • São Paulo – 31%
  • Corinthians – 6%
  • Internacional – 4%

Luta contra o rebaixamento

A parte de baixo da tabela teve mudanças ao fim da 31ª rodada do Brasileirão. Com a vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo, o Fluminense deixou o Z-4 e diminuiu seu risco de queda de 58% para 33%. O Botafogo dobrou as chances de rebaixamento com a derrota por 1 a 0 para o Flamengo e saiu de 15% para 32%. Pela primeira vez desde a 1ª rodada, o Alvinegro entrou no Z-4. Avaí e Chapecoense mantiveram os 99%, enquanto o CSA pulou de 70% para 84%.

  • Avaí – 99%
  • Chapecoense – 99%
  • CSA – 84%
  • Botafogo – 32%
  • Cruzeiro – 25%
  • Fluminense – 33%
  • Fortaleza – 10%
  • Ceará – 13%
  • Atlético-MG – 3%
  • Vasco – 2%

Ge

Mostrar mais

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Fechar
Fechar
WhatsApp Fale via: WhatsApp