DestaquePlantão Jogo Aberto

Geraldo da Rondônia condena ação do Ibama em Cujubim

Estado precisa buscar meios de incentivar o setor produtivo, diz parlamentar

Em participação na Comissão de Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia, onde é vice-presidente, o deputado Geraldo da Rondônia (PSC), manifestou preocupação com as ações do Ibama no município de Cujubim, que queimaram caminhões que estavam nas proximidades de terras de reservas ambientais.

De acordo com Geraldo da Rondônia, os moradores de Cujubim procuraram seu gabinete, para denunciar a forma de trabalho do Ibama. “Eles estão perseguindo o dono das pequenas serrarias, estão queimando os caminhões, fechando tudo de uma forma agressiva. Não vemos eles fazendo isso com as grandes empresas, só com esses pequenos, que geram renda e emprego para esse município que já sofre com tantos problemas”, afirma.

O deputado mencionou que as atitudes relacionadas ao órgão federal, tratam-se de ações de extremismo prejudicando famílias que dependem o equipamento para ter o meio de sustento.

Como vice-presidente da comissão, Geraldo defendeu que o Governo do Estado precisa buscar meios de incentivar o setor produtivo, com ênfase os situados na região do Vale do Jamari.

Geraldo da Rondônia afirmou ainda que é preciso acabar com essa fábrica de multas que se tornou o Ibama. “Esses dias vi um monte de carro do Ibama, mas quando precisamos de uma ambulância não tempos. Esses pequenos empresários e produtores não estão roubando, prejudicando ninguém, muito menos o meio ambiente. Destruindo o meio de trabalho deles, eles estão destruindo o município também, pois estão destruindo o comércio local”, finalizou.

Texto: Assessoria

Fotos: José Hilde

Foto:

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2FB Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Close
WhatsApp chat Fale via: WhatsApp