Plantão Jogo Aberto

Adelino Follador cobra investigação em atentado contra vereador de Campo Novo

Deputado também questionou a Seduc, por proibir professores de comer merenda

Durante discurso na manhã desta quarta-feira (13), na sessão ordinária, o deputado estadual Adelino Follador (DEM), cobrou o esclarecimento do atentado sofrido pelo vereador de Campo Novo de Rondônia, professor Marco Aurélio (PSC), que teve o carro alvejado com dois tiros, na noite desta terça-feira (12), quando retornava para sua casa, acompanhado da esposa.

“A Polícia já está tomando as providências e peço que se investigue a fundo o ocorrido, esclarecendo inclusive quem foi o mandante do atentado, se houver. Felizmente, nem o vereador e nem a esposa dele foram atingidos. Quero registrar isso e pedir rigorosa apuração do fato”, destacou.

Adelino também manifestou a sua indignação com a recente decisão da Secretaria de Estado de Educação (Seagri), que proibiu que professores consumam a merenda. “Na Comissão de Educação, que faço parte, aprovamos a convocação do secretário da Seduc, para explicar essa decisão. Muitos professores passam o dia na escola e já ganham pouco, não podem ser penalizados”, disse.

Follador comunicou que na tarde desta quarta, a Comissão de Agricultura e Política Rural vai continuar debatendo com o comando da Secretaria de Estado de Agricultura (Seagri), as ações e projetos da pasta para este ano, dando prosseguimento ao encontro realizado pela manhã.

Ao final do discurso, Adelino Follador criticou a empresa Energisa, concessionária de energia, que deixou a região do distrito de Jacinopólis, em Nova Mamoré, por 32 horas, sem luz.

“A maior bacia leiteira, no município de Nova Mamoré, não pode ficar sem energia. Foi muito leite jogado fora. Cobrar energia cara, a empresa sabe, mas dar o suporte, atender à população, não tem nenhum interesse, infelizmente”, finalizou.

Texto: Eranildo Costa Luna – DECOM/ALE

Foto: José Hilde

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Close
WhatsApp chat Fale via: WhatsApp