Connect with us

Esporte

Valentim tem aproveitamento baixo e ainda tenta dar sua cara ao Vasco

Publicado

on

Com apenas uma vitória, quatro empates e quatro derrotas, Alberto Valentim tem apenas 26% de aproveitamento desde que chegou ao Vasco. Escolhido pela diretoria para o lugar do demitido Jorginho, o treinador ainda tenta dar sua cara em meio à luta da equipe para fugir da zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

Disposto a implementar sua filosofia no cruzmaltino, Valentim não tem se furtado de ousar. Sob seu comando, o time já surpreendeu com o lateral esquerdo Fabrício atuando como “camisa 10”, o volante Bruno Silva jogando como zagueiro e o também lateral esquerdo Henrique exercendo a função de meia, algo que ainda gera questionamentos, principalmente na aposta em Fabrício.

“Ele (Fabrício) vem treinando bem e fez boas partidas. Hoje (contra o Botafogo) não fez melhor do que estava fazendo. Claro que falta um gol, uma assistência… Alguns bons passes não se tornaram gol. Eu conto muito com ele. Tem procurado fazer tudo o que eu peço”, declarou após o empate em 1 a 1 com o rival na última terça-feira.

É bom ressaltar que o treinador tem sofrido com a série de desfalques por suspensões e, principalmente, lesões, quando em algumas oportunidades chegou a não poder contar com 11 jogadores para uma partida. Valentim, porém, prefere não lamentar.

“Se lembrarem, nas minhas entrevistas não fico lamentando de ausência. Fica parecendo álibi. Claro que eu queria contar com todos. Tivemos falta de sorte com lesões, algumas foram por fratura”, disse o técnico, que pode ter o retorno do volante Raul e do zagueiro Werley para a partida deste domingo, contra o Cruzeiro, em São Januário.

Com a missão de livrar o Vasco de um quarto rebaixamento em sua história e tendo ainda que lidar com os salários atrasados que já batem quase dois meses, Alberto Valentim garante estar tranquilo no cargo: “Minha cabeça é de trabalhar ao máximo. Primeiro é recuperar os jogadores, depois fazer uma boa semana e vencer o Cruzeiro em casa. Futebol sabemos que quando os resultados não vêm, podem acontecer mudanças. Mas estou tranquilo”.

fonte: noticias ao minuto

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp