Connect with us

Plantão Jogo Aberto

Presos ameaçam greve de fome por TV na Copa, mas juíza nega pedido

Publicado

on

Caso aconteceu em Puerto Madryn na Argentina.

 

Uma juíza argentina negou o pedido de presos de Puerto Madryn, na província de Chubut, na Patagônia, que solicitavam uma TV para que pudessem assistir à Copa do Mundo.

Segundo o Extra, os presidiários ameaçaram uma greve de fome, caso não fossem atendidos. Eles também usaram a Constituição para dar base à solicitação.

“Nós nos dirigimos com o maior respeito que a sua pessoa e posição merecem, a fim de trazer a nosso favor um mandado de habeas corpus segundo a Lei 23.098 e protegido pela Constituição. Nós viemos da melhor maneira pedir-lhe para arbitrar os meios para consertar o cabo da TV, uma vez que há três dias não funciona e é um direito indispensável para toda pessoa privada de liberdade, como afirma a Lei”, diz a carta dos detentos enviada à Justiça.

A Argentina estreia sábado no Mundial, contra a Islândia. No Grupo D estão também Croácia e Nigéria.

Fonte:Notícias ao Minuto

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp