Connect with us

Destaque

Deputado Adelino Follador apoia redução do ICMS do Estado

Publicado

on

Parlamentar pediu ao governador que encaminhe proposta urgente a Assembleia Legislativa. Para ele, o brasileiro não tem condições de suportar um aumento de 40% ao ano.

Segundo Follador, os efeitos deste aumento também refletem no preço dos alimentos e tudo mais. “A população não tem confiança neste governo federal, isso faz com que as negociações também se tornem mais difíceis”, disse Follador, destacando a força que tem a categoria dos caminhoneiros.

O parlamentar afirmou que têm mantido contatos com moradores de Buritis, Cujubim e Machadinho do Oeste, e que a situação destes moradores é desesperadora, pois a energia fornecida nestes municípios é de fonte termoelétrica, depende do óleo diesel, que está acabando e está racionando o fornecimento.

“Nossa preocupação é que chegue um momento em que o fornecimento de energia nestes municípios seja totalmente interrompido, já está racionado também o fornecimento de água e as consequências está gerando um caos total”, comentou Adelino.

O deputado Follador é membro da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), da ALE, e lembrou que em 2015 a Comissão rejeitou uma proposta, do executivo, de aumento na cota do ICMS, que hoje é de 26% e se não fosse a ação dos membros da CCJ o preço do combustível em Rondônia estaria ainda maior.

Apesar de ter estados, como é o caso do Rio de Janeiro, aonde a alíquota chega a 35%, considera a cota de Rondônia alta, por isso acredita que pode ser reduzida, para isso pediu ao governador, Daniel Pereira (PSB), que envie com urgência uma proposta de redução, para que seja discutida e aprovada na ALE.

Adelino esteve em alguns pontos de manifestação, conversou com motoristas e se solidarizou com o movimento, se colocando à disposição para fazer o que estiver ao seu alcance para que sejam atendidas as reivindicações.

ALE/RO – DECOM – Assessoria

Foto: Ana Célia

Fotos:

Adicionar Comentário
Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp