Connect with us

Campeonato Paulista

Com golaço de cobertura e falha de Denis, Palmeiras vence o São Paulo

Publicado

on

Dudu faz uma pintura, Tchê Tchê e Guerra ampliam e Verdão vence o clássico com enorme facilidade dentro de casa. Goleiro do Tricolor dá vacilada no último gol

O Palmeiras segue 100% contra o São Paulo jogando em seu estádio. Na tarde deste sábado, com um golaço de Dudu por cobertura e outros de Tchê Tchê e Guerra, o Verdão fez 3 a 0 no arquirrival, pela oitava rodada do Paulistão, no quarto confronto entre os clubes na arena alviverde desde 2015. O tabu do Tricolor contra o rival no Paulistão é ainda maior: não vence desde 2009.

A vitória levou o Palmeiras a 18 pontos na tabela e manteve o time tranquilo na liderança do Grupo C, a oito pontos do vice-líder Novorizontino, e 11 à frente do terceiro, o São Bento, com 12 pontos em disputa. A vaga nas quartas está quase assegurada. Também na ponta do Grupo B, o São Paulo estacionou nos 14 pontos, com apenas um a mais do que o Linense.

Os dois times voltam a campo na quarta-feira. Pela Copa do Brasil, o São Paulo visita o ABC, em Natal, às 19h30, no segundo jogo da terceira fase da competição (o Tricolor venceu no primeiro encontro, no Morumbi, por 3 a 1). Na Libertadores, o Palmeiras recebe o Jorge Wilstermann, da Bolívia, às 21h45, pela segunda rodada da fase de grupos.

Palmeiras x São Paulo Tchê Tchê (Foto: Marcos Rilbolli)Tchê Tchê marcou o segundo do Palmeiras diante do São Paulo, neste sábado (Foto: Marcos Rilbolli)

O JOGO

O Choque-Rei foi bastante morno nos primeiros 45 minutos. Com muita marcação e doação tática dos dois times, as chances criadas foram raras. Fora um chute de longa distância de Michel Bastos e uma falta cruzada na área por Thiago Mendes, pouco aconteceu de perigo.

Até que, exatamente aos 45 minutos, Egídio fez um abata em Buffarini na lateral, roubou a bola para o Palmeiras e Dudu, com enorme competência, aproveitou-se do posicionamento adiantado de Dênis para encobrir o goleiro são-paulino, abrindo o placar do clássico.

Atrás do marcador, Rogério Ceni sacou Jucilei e apostou na entrada de Wellington Nem no intervalo, mas o time da casa voltou melhor. Com oito minutos, Denis foi obrigado a fazer boa defesa em chute de Willian. Logo depois, porém, nada pôde fazer para evitar o belo gol de Tchê Tchê, em chute de perna esquerda de fora da área: 2 a 0 para o Verdão.

Mostrando estar ainda vivo no jogo, o Tricolor puxou bom contra-ataque, mas Lucas Pratto finalizou mal, sem perigo para Fernando Prass. Substituto de Sidão, Denis então viveu dois momentos distintos em um só minuto: primeiro, fez milagre em cabeçada de Egídio. Depois, se atrapalhou cara a cara com Borja, deixou a bola escapar e levou um gol de Alejandro Guerra.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp