Connect with us

LIbertadores

Vaga na fase de grupo da Libertadores garante ao Bota mais de R$ 10 milhões

Publicado

on

Alvinegro, que já embolsou 5,7 milhões entre premiação e bilheteria contra Colo-Colo
e Olimpia, ainda levará mais R$ 5,5 mi. Sem contar as próximas rendas de mandante

A heroica classificação do Botafogo à fase de grupos da Taça Libertadores da América, eliminando dois campeões continentais, vai muito além do campo e bola. Tem uma outra importância substancial aos cofres do clube: a garantia de mais de R$ 10 milhões entre premiações e bilheterias. Só na Pré-Libertadores, contra Colo-Colo-CHI e Olimpia-PAR, o Alvinegro recebeu U$ 800 mil (cerca de R$ 2,4 milhões) e ainda embolsou R$ 3.288.600,00 dos ingressos vendidos nos dois jogos no Nilton Santos. Na fase seguinte, a Conmebol pagará mais U$ 1.800 milhão (aproximadamente R$ 5,5 mi), sem contar as próximas rendas de mandante.

Botafogo, Pimpão, Guilherme, Camilo (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)Pimpão, Guilherme, Camilo e Cia. festejam a classificação do Botafogo no Paraguai (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

E o que é melhor? Esta verba não estava prevista no orçamento para 2017 – aprovado em dezembro pelo Conselho Fiscal e Deliberativo do clube –, e que tinha previsão de receitas na ordem de R$ 191 milhões, sendo R$ 166 mi do futebol. Ou seja, trata-se de uma grana extra que poderá chegar perto dos R$ 15 milhões caso o Botafogo mantenha sua bilheteria na casa de R$ 1 milhão nos três jogos em casa na fase de grupo – as rendas da Libertadores esse ano são todas revertidas aos times, uma vez que a Conmebol deixou de cobrar a taxa de 10%. Montante que seria superior aos R$ 10 milhões do principal patrocinador alvinegro, a “Caixa Econômica”.

Bilheterias na Libertadores:

– Botafogo x Colo-Colo
Renda: R$ 1.898.390,00
Público: 34.424 pagantes

– Botafogo x Olimpia
Renda: R$ 1.390.210,00
Público: 28.601 pagantes

Dinheiro esse que poderá ser usado para abatimento de dívidas e para reforçar o elenco para o restante da Libertadores e da temporada. Porém, calma torcedor. pois não será com esse valor em sua totalidade. Diferentemente das competições organizadas pela CBF, onde a confederação brasileira arca com as despesas das viagens, na Libertadores os clubes usam a verba da Conmebol para cobrir os custos com logísticas. Além disso, parte dos dinheiros recebidos em cada fase são revertidos para pagamento de bichos aos jogadores em caso de classificação.

Apesar de ter uma das maiores dívidas do futebol brasileiro, o Botafogo vem conseguindo equacionar débitos antigos e ainda lucrar. Só no segundo semestre do ano passado, arrecadou R$ 9 milhões da venda à vista de Ribamar para o TSV Munique 1860, da Alemanha; R$ 7,3 milhões da segunda parcela da venda de Dória para o Olympique de Marseille, da França; R$ 1,4 milhão da “Caixa Econômica”; R$ 5 milhões do Comitê Olímpico da Áustria pelo aluguel de General Severiano, e R$ 500 mil pelo show do grupo americano Guns N`Roses no Nilton Santos.

O Botafogo se classificou para o Grupo 1 da Libertadores, onde estão Atlético Nacional, da Colômbia, atual campeão, o Estudiantes, da Argentina, e o Barcelo de Guayaquil, do Equador. A estreia do Alvinegro será no dia 14 de março, contra os argentinos no Estádio Nilton Santos. Clique aqui e confira a tabela completa da fase de grupos do torneio continental. Os jogadores ganharam folga nesta quinta-feira e se reapresentam na manhã de sexta-feira.

Fonte: globoesporte

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp