Connect with us

Destaque

Bezerro nasce com duas cabeças e assusta produtor em Ouro Preto do Oeste

Publicado

on

Bezerro tinha as duas cabeças formadas na ponta de um mesmo pescoço. Fato é considerado raro no reino dos bovinos, segundo veterinário.

Bezerro nasce com duas cabeças e assusta produtor em Ouro Preto do Oeste

Um bezerro nasceu com duas cabeças em uma propriedade rural de Ouro Preto do Oeste (RO), região central do estado. O nascimento do mamífero aconteceu no sábado (26). Para fazer o parto do animal, um veterinário precisou realizar uma cirurgia cesariana na vaca. Como o bezerro tinha apenas um pescoço, caso raro na área veterinária, acabou morrendo no início desta semana. “Se não tivesse morrido íamos nos livrar. Era assustador”, diz produtor.

O caso aconteceu na propriedade da família de Alciney Bueno Souto. Em entrevista , o produtor conta que o pai já havia percebido que a vaca estava prestes a criar, mas não conseguia. “A vaca estava fazendo muita força para criar, mas não criava. Meu pai tentou ajudar a vaca como pôde, mas não conseguiu”, conta.

Por causa disso, a família acionou um veterinário para fazer o parto. Quando o médico da área chegou, logo percebeu que o animal era diferente. “Assim que iniciou os procedimentos, ele percebeu que o bezerro tinha duas cabeças e já nos avisou que teria que fazer uma cirurgia para tirá-lo, já que não tinha como nascer por parto normal”, diz.

Conforme a família, o animal tinha a formação das duas cabeças completas, com olhos, narizes, orelhas e bocas, mas as duas cabeças estavam formadas em um único pescoço. Segundo o médico veterinário, Bruno Porto, a condição deixa a anomalia ainda mais rara.

“Isso acontece quando a gestação é de gêmeos e os embriões não são capazes de se separar e gerar dois bezerros separados. Quando isso ocorre, dificilmente o animal consegue sobreviver”, conta Porto.

O bezerro morreu no início da semana. Em entrevista, Alciney conta que a situação foi muito inusitada para todos. “Eu até brinquei com meu pai que, caso o bezerro não morresse, a gente ia dar um jeito de se livrar dele. É assustador”, brinca Alciney.
Fonte:G1

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp chat