Connect with us

Esporte

Usain Bolt abandona qualificatória da Jamaica para Rio 2016 alegando lesão

Publicado

on

Bicampeão olímpico iria disputar a final dos 100m rasos nesta sexta-feira, em Kingston.

Usain Bolt está fora da final da seletiva jamaicana dos 100m rasos para a Olimpíada do Rio 2016. Nesta sexta-feira, o astro e bicampeão olímpico abandonou a prova que será disputada em Kingston alegando uma contusão. Mais cedo, após se recuperar de uma largada ruim, venceu sua semifinal com o tempo de 10s04. Senoj-Jay Givans foi o segundo com 10s05 e Jevaughn Minzie o terceiro com 10s07. De acordo com o jornal “Jamaica Gleaner”, Bolt teria sentido uma lesão na parte posterior da coxa. Na quinta-feira, durante as eliminatórias, terminou em segundo lugar, com o tempo de 10s15

– Após sentir um desconforto na minha coxa depois do primeiro round, na noite passada e agora nas semifinais, hoje fui examinado pelo chefe médico da associação nacional e diagnosticado com um estiramento de grau 1. Fui submetido a um exame médico que me tirou da final dos 100m e do restante da seletiva nacional. Iniciei o tratamento imediatamente e espero estar bem para o London Anniversary Games (Diamond League), em 22 de julho, para conseguir a classificação para a Rio 2016 – disse Bolt, que teria reclamado que a organização da prova não deixou os atletas se aquecerem bem, já que entraram muito cedo na pista e por isso ficaram com os corpos frios.

Team Jamaica informa lesão de Bolt e sua saída da qualificatória jamaicana (Foto: Reprodução/Twitter)Team Jamaica informa lesão de Bolt e sua saída da qualificatória jamaicana (Foto: Reprodução/Twitter)

Bolt tem seis medalhas olímpicas, todas de ouro, em Pequim 2008 e Londres 2012, nos 100m, 200m e no revezamento 4x100m rasos. De acordo com os critérios Associação de Atletismo da Jamaica (JAAA), os atletas podem se abster de participar da seletiva nacional em casos médicos. Para isso, teria a obrigação de provar medicamente que competir na seletiva poderia prejudicá-lo em uma futura prova ou torneio e também que está recuperado da lesão que o tirou da seletiva. Se atender a esses critérios, o velocista entra pela vaga de indicação da JAAA, já que tem o segundo melhor tempo do ano no mundo com 9s88.

Bolt não volta para a qualificatória para os 200m rasos e a lesão já existia desde a quinta-feira, nas eliminatórias. Ela teria sido agravada nas semifinais da seletiva jamaicana dos 100m rasos, nesta sexta-feira. Usain Bolt não competiu em nenhuma prova dos 200m neste ano e por isso não tem nenhum tempo no ranking mundial.

Na outra bateria semifinal dos 100m rasos, três atletas tiveram tempo abaixo dos 10s e melhores que o de Bolt, com Yohan Blake cravando 9s95. Mais tarde, ele mesmo chegou a queimar a largada, mas todos os atletas foram perdoados e nova largada foi chamada. Então, Blake correu novamente para 9s95 e venceu, com Ashmeade em segundo com 9s96 e Jevaughn Minzie em terceiro com 10s02. Asafa Powell fez 10s03 e ficou em quarto, fora da Rio 2016 nos 100m rasos.

Usai Bolt post Twitter lesão na seletiva (Foto: Reprodução Twitter)Usai Bolt faz post no Twitter após deixar a seletiva jamaicana (Foto: Reprodução Twitter)
Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp