Connect with us

Destaque

Polícia Militar e Detran realizam Operação Lei Seca em Machadinho do Oeste – RO

Publicado

on

Aconteceu nesse Sábado (22), a operação Lei Seca em Machadinho do Oeste. A ação contou com Agentes de Trânsito do Detran-RO e o apoio da Polícia Militar.

Na Operação foram abordados condutores que estavam transitando sem cinto de segurança, documentação com irregularidade,     CNH´s vencidas, entre outras situações de descumprimento das leis de trânsito.

Os condutores foram convidados para realização de teste de alcoolemia, sendo constatados 04 (quatro) casos de embriaguez na direção, nos quais, os infratores foram conduzidos a delegacia de Polícia Civil e responderão pelo crime de trânsito, dirigir sob influência de álcool.

A operação lei seca tem como principal objetivo combater a incidência de condutores embriagados no trânsito, pois esses geram perigos de danos a sociedade e sensibilizar os condutores sobre a importância para o uso de equipamentos obrigatórios de segurança (cinto e capacete), bem como documentos  de porte obrigatório regularizados.

Lei Seca
É considerado crime quando o motorista é flagrado conduzindo veículos com índice de álcool no sangue superior a 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expelido ou 6 decigramas por litro de sangue.

A pena de detenção pode variar de 6 meses a 3 anos, multa e suspensão temporária da carteira de motorista ou proibição permanente de obter a habilitação. O Código de Trânsito Brasileiro estabelece multa de R$ 1.915,40, além de 7 pontos na carteira. Os condutores também têm a CNH apreendida. Se o motorista tiver cometido a mesma infração nos 12 meses anteriores, o valor da multa é dobrado.

Fonte: Machadinho Online

DSC_0446DSC_0447DSC_0448DSC_0449DSC_0450DSC_0451DSC_0452DSC_0453

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp