Connect with us

Plantão Jogo Aberto

Desembargador libera propaganda do governo sobre reforma da Previdência

Publicado

on

Conteúdo havia sido suspenso por ser considerado ‘propaganda de opção política governamental’, que desinforma e manipula a opinião pública.

 

O desembargador Hilton Queiroz, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, revogou a proibição do governo de veicular campanha de publicidade a favor da reforma da Previdência.

A informação foi confirmada pela assessoria da Advocacia-Geral da União.

A AGU havia recorrido de decisão de quinta (30) da juíza Rosimayre Gonçalves de Carvalho, da 14ª Vara Federal em Brasília, suspendendo a campanha. A decisão do desembargador, derrubando a suspensão, foi tomada na sexta (1º).

A campanha do governo, ao reforçar a importância da reforma para “combater privilégios”, diz que “tem muita gente no Brasil que trabalha pouco, ganha muito e se aposenta cedo”.

Em seguida, explica que “servidores públicos ou não terão regras equivalentes”. E assegura que, se as medidas passarem, o país terá “mais recursos para cuidar da saúde, da educação e da segurança de todos”.

A reforma consta de uma PEC (Proposta de Emenda à Constituição) em debate no Congresso.

A juíza havia sustentado que, em vez de conteúdo educativo, informativo ou de orientação social, como prevê a Constituição, as peças veiculadas apresentam-se como “genuína propaganda de opção política governamental” que, de forma abusiva, desinformam e manipulam a opinião pública sobre o tema. Ela argumenta também que há ofensa e desrespeito aos servidores públicos.

A juíza entendeu que a campanha “não divulga informações a respeito de programas, serviços ou ações do governo”, mas objetiva apresentar a versão oficial sobre aquela que, “certamente, será uma das reformas mais profundas e dramáticas para a população brasileira”.

Fonte: noticias ao minuto

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp