Connect with us

Plantão Jogo Aberto

Região da Zona da Mata recebe POC Itinerante

Publicado

on

Ji-Paraná foi o último município a receber as ações da POC Intinerante.

Depois de atender a três mil pessoas na região Central do estado, de 27 a 29 de outubro, em Ji-Paraná, a Policlínica Oswaldo Cruz, de Porto Velho, levará seus serviços especializados neste mês ao município de Rolim de Moura, na região da Zona da Mata de Rondônia, onde a previsão é que sejam atendidos 2.700 pacientes da fila de espera. De acordo com o diretor José França de Lima, a quarta edição da POC Itinerante será realizada de 24 a 26, na Faculdade São Paulo, contando com profissionais de 35 especialidades. A proposta é desafogar a fila de espera e evitar que esses pacientes sejam transferidos para as unidades de saúde de Porto Velho.

D0s 2.700 atendimentos previstos, França disse que pelo menos 400 são da área de ortopedia. Além de beneficiar os pacientes com o atendimento na própria região, o diretor ressaltou que o projeto idealizado pelo governador Confúcio Moura reduz custos para as prefeituras que são responsáveis pelo transporte dos pacientes para a capital quando indicado pela equipe médica local.

Os pacientes serão atendidos por especialistas em alergologia, cardiologia (Holter e Mapa), cirurgia geral, cirurgia plástica, dermatologia, hanseníase, endocrinologia (para idoso e obesidade), geriatria, ginecologia, infectologia, neurologia (adulto e infantil), ortopedia, otorrinolaringologia, pediatria, pneumologia, psiquiatria, reumatologia, urologia, ultrassonografia, espirometria, eletrocardiograma e programa de obesidade.

O acolhimento aos pacientes será feito a partir das 5h, e às 7h30 será iniciado o atendimento da primeira turma; e às 13h a segunda equipe inicia os procedimentos.

Pacientes pré-agendados de oito municípios da Zona da Mata serão beneficiados pela ação, que são: Alta Floresta do Oeste, Alto Alegre dos Parecis, Nova Brasilândia, Novo Horizonte do Oeste, Parecis, Rolim de Moura e Santa Luzia do Oeste.

A primeira edição da POC Itinerante aconteceu em agosto, em Machadinho do Oeste; e a segunda em Ariquemes, no mês de setembro, seguindo ordem cronológica que leva em conta o tempo de espera e a gravidade da doença. Toda estrutura é garantida pelo governo, sem contrapartida de outras instituições, com vistas a facilitar o atendimento especializado ou de alta complexidade sem necessidade de deslocamento do paciente para a capital.

Em Ji-Paraná, a dermatologia foi uma das especialidades mais procuradas pelos pacientes. No caso das pequenas cirurgias, os casos mais recorrentes foram as extrações de verrugas, caroços e câncer de pele. A POC Itinerante zerou a fila de espera nas especialidades de cardiologia, ginecologia, alergologia, reumatologia, pediatria, geriatria, nefrologia e em alguns casos de ortopedia.

Fonte:Secom

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp