Connect with us

Esporte

Preferido por Jesus, Manchester City caminha para acerto com Palmeiras

Publicado

on

Clube inglês leva vantagem diante de concorrência de grandes da Europa e avança em negociação com o Verdão. Dirigentes têm mantido contato.

Preferido de Gabriel Jesus, o Manchester City tem negociação avançada com o Palmeiras para contratar o atacante de 19 anos, que está com a seleção brasileira para a disputa dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Dirigentes do Verdão e representantes do clube inglês têm mantido contato, e pessoas que acompanham a negociação acreditam em um desfecho positivo em breve.

Pretendido também por Real Madrid, Barcelona e Bayern de Munique, Gabriel Jesus optou pelo Manchester City há pouco mais de uma semana, após uma conversa telefônica com o técnico espanhol Josep Guardiola. A entrada do clube inglês na disputa, inclusive, inflacionou os valores da negociação, com uma proposta de 32 milhões de euros.

O rival Manchester United chegou a manifestar interesse e, por meio de intermediários, havia promessa de apresentar uma oferta de 38 milhões de euros pela contratação da revelação palmeirense, mas o interesse não foi formalizado ao clube alviverde.

Nem mesmo a convivência diária com Neymar na seleção brasileira e o contato de estrelas do Barça fizeram o atleta mudar a ideia de se transferir para o City, na próxima temporada. O Verdão conta com a permanência do atacante pelo menos até dezembro.

A multa rescisória de Gabriel Jesus para o exterior é de 40 milhões de euros, mas há duas cláusulas em contrato que derrubam esse valor para 24 milhões de euros ao final da Olimpíada.

Uma delas estabelece que cinco clubes europeus (Barcelona, Real Madrid, Manchester United, Bayern de Munique e Paris Saint-Germain) podem levá-lo por essa quantia se o jogador assim quiser. Neste caso, o Palmeiras não teria escolha.

Outra cláusula é válida para demais clubes do exterior. Caso receba uma proposta de 24 milhões de euros de outro clube que não esteja nesse grupo eleito por Gabriel Jesus, e ele queira sair, o Palmeiras pode impedir a transferência de duas formas: apresentando uma oferta maior ou comprado os 70% dos direitos econômicos restantes.

Os direitos econômicos de Gabriel Jesus são divididos entre o Palmeiras (30%), o ex-agente Fabio Caran (22,5%), o empresário Cristiano Simões e o próprio jogador (47,5%).

Fonte: globoesporte

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Direitos Reservados © 2020 De Fato Rondônia, Por Anderson Leviski

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
WhatsApp Fale via: WhatsApp